terça-feira, 15 de outubro de 2013

Dependência de Crack.

Atualmente vivemos uma verdadeira epidemia de crack, um derivado da cocaína, com altíssimo poder de causar dependência. Dentre outros inúmeros fatores facilitadores do uso, temos o baixo custo e a facilidade do acesso. Infelizmente não há muito investimento público no auxílio dessas pessoas, mas podemos contar com a ajuda dos CAP'S AD, os centros de atenção psicossocial, para os usuários de álcool e outras drogas, que funcionam como hospital-dia, de segunda a sexta-feira e contam com medicação e uma equipe multiprofissional. Para os casos mais graves e para os indivíduos pouco colaborativos ou com auto-crítica prejudicada em relação à sua situação, há a possibilidade de internação em hospitais psiquiátricos ou estabelecimentos específicos, em sua maioria religiosos. Com a progressão do tratamento, quando bem sucedido, os pacientes seguem em atendimento ambulatorial, até receberem alta.